Bastão de Caminhada: entenda por que ele é importante

5 (100%) 1 vote

É provável que o cajado seja uma das mais antigas invenções da humanidade. Desde que nos tornamos caminhantes bípedes com capacidade de segurar objetos em nossas mãos, uma haste de madeira tem sido nossa companheira nas aventuras pelo mundo. Hoje, ele é um símbolo de poder em inúmeras culturas e continentes, mas sua origem é a sobrevivência.

Sua funcionalidade inicial também se mantém até os dias de hoje: o bastão é um dos itens mais importantes para um aventureiro que se propõe a usar os pés como meio de transporte, seja em trekking ou hiking.

Mas o bastão de caminhada já não é o mesmo. A pesquisa e o desenvolvimento tecnológico têm transformado a forma como interagimos com o meio ambiente. Antigamente, levava-se um lenho escolhido entre os que estavam na floresta ou no campo (em uma emergência, esse ainda pode ser o caso), mas, agora, temos estruturas finas, leves e de metal muito resistente, feitas com design inteligente e ergonômico.

Não saia de casa sem o seu bastão! Entenda por quê:

Estabilidade

Andar sobre duas pernas foi um passo e tanto na evolução humana, mas trouxe consigo a desvantagem da instabilidade na locomoção — estamos sempre em equilíbrio precário e, quando caímos, a altura é bem maior. O bastão de caminhada é um prolongamento do braço, fazendo com que tenhamos mais apoios e, assim, estabilidade.

Se um bastão é bom, imagine dois, então! Andar de quatro apoios é a forma mais estável possível, principalmente na travessia de corpos d’água e em terrenos acidentados, escorregadios ou inclinados. Ele não é garantia antiqueda, mas pode fazer a diferença na hora do aperto. Se o tombo for inevitável, sua ajuda pode reduzir a gravidade dos danos.

Segurança

Trilhas incluem encontros fortuitos com animais — alguns deles agressivos ou peçonhentos. Quando eles aparecem, você não quer estar desprevenido. Um bastão de caminhada intimida alguns deles, fazendo você parecer maior, e te ajuda a mantê-los distantes, caso tentem atacar.

Às vezes, não temos certeza se um lugar é seguro ou não para pisar, como um tronco que pode estar podre ou um terreno que afunda. Como descobrir? O bastão fará o teste por você.

Se acontecer um acidente que precise de imobilização, o bastão de caminhada também poderá servir como uma tala improvisada.

Redução de impacto

Ao se utilizar corretamente o bastão, ele ajuda a diminuir os efeitos negativos que as longas caminhadas podem ter no organismo e também aumenta sua eficiência:

  • reduz impacto da transferência de peso no quadril, joelho e tornozelo (que pode ser muito intenso nos terrenos inclinados). O modelo antichoque potencializa ainda mais essa qualidade;

  • coloca o tronco e os braços em movimento rítmico, melhorando a respiração e a circulação, o que aumenta a oxigenação muscular e evita o inchaço das mãos;

  • mantém a coluna em posição ereta, prevenindo dores e lesões;

  • adiciona os membros superiores ao trabalho de locomoção, fortalecendo os músculos do corpo inteiro e fatigando menos as pernas.

Para que o bastão de caminhada cumpra com sua função, é importante estar atento ao modo como se trabalha com ele. Escolha um modelo que fique muito confortável na sua mão e certifique-se da sua resistência e leveza.

Quando estiver em um terreno plano, o ideal é que o bastão esteja na altura do cotovelo, deixando o antebraço em um ângulo de 90°. Na subida, é interessante que seja um pouco mais curto que isso e, na descida, um pouco mais longo — prefira os que têm ajuste de tamanho.

Assim como trocamos de perna durante a caminhada, também se troca de bastões. Deve-se fazer a alternância oposta de membros inferiores e superiores. Exemplo: se der um passo com o pé direito, leve o bastão esquerdo à frente ao mesmo tempo (e vice-versa). Isso aumentará muito a sua estabilidade e distribuição de peso.

Viu como o bastão de caminhada é imprescindível para uma boa experiência ao andar na natureza? Quer saber mais sobre os produtos disponíveis no mercado? Então entre em contato conosco para saber todas as especificações e tirar suas dúvidas!

http://blog.tremeterra.com.br/2018/03/08/bastao-de-caminhada-entenda-por-que-ele-e-importante-2/
[wpdevart_facebook_comment curent_url="" order_type="social" title_text="Deixe seu comentário" width="100%" title_text_font_famely="Antonio" animation_effect="random" count_of_comments="3" title_text_font_size="22" ]