6 erros ao fazer trekking que você nunca deve cometer

Desafio, adrenalina, contato com a natureza, liberdade… Fazer trekking é experimentar todas essas coisas. Mas não é porque atividades outdoor têm sempre uma dose de aventura que, na falta de preparo, você precisa passar por situações complicadas, não é mesmo?

Portanto, se você sabe que lidar com imprevistos é importante, mas que preveni-los é ainda melhor, não perca esta oportunidade de descobrir seis erros que nunca devem ser cometidos ao fazer trekking. Preparado para começar?

1. Não levar o equipamento necessário para fazer trekking

Deveria ser óbvio, não é? Mas tem gente que se arrisca por não levar equipamentos e itens básicos para o trekking, como isolante térmico, protetor solar, lanterna com pilhas extras, celular carregado, um apito etc.

Pode parecer muita coisa, mas será extremamente vantajoso ter esses itens à disposição, em caso de emergência. Para não esquecer de nada, faça uma lista e confira tudo antes de sair de casa.

2. Não testar seus equipamentos

Tão importante quanto levar os equipamentos necessários é testá-los. Antes de viajar, é fundamental verificar se cada item que será levado está funcionando perfeitamente.

A dica vale tanto para barracas que precisam ser montadas devidamente, fogareiros e headlamps quanto para calçados, por exemplo. Afinal, aquela bota nova pode machucar seu pé, fazê-lo mancar durante a trilha inteira e acabar com a diversão de todo o grupo!

3. Carregar a casa inteira na mochila

Durante o trekking, é importante contar apenas com os itens essenciais à sobrevivência. Consulte a previsão do tempo para saber que tipo de roupa será apropriada e leve só o que for estritamente necessário.

Sem esse cuidado, a mochila pode ficar pesada demais, prejudicando o ritmo da caminhada. Qual é o resultado? Horas a mais caminhando e atrasos que comprometerão a possibilidade de finalizar a aventura no tempo disponível.

Além disso, é muito desagradável o grupo ter que reduzir o ritmo e deixar de aproveitar momentos que estavam programados porque alguém resolveu levar a casa nas costas.

4. Calcular de forma errada a quantidade e qualidade da comida

É importante saber a quantidade suficiente de alimentos para a duração total do trekking e levar um pouco a mais. Afinal, você vai gastar muita energia e imprevistos também podem acontecer.

Procure levar alimentos mais leves e com pouco volume, mas que garantam a quantidade de nutrientes – especialmente carboidratos – necessários para aguentar o desafio. Refeições de preparo fácil também são bem-vindas, pense em comidas enlatadas, instantâneas ou ainda em comidas liofilizadas que são produzidas especialmente para situações como as de trekking.

5. Não saber usar os equipamentos para trekking

A função de muitos dos equipamentos usados para fazer trekking é garantir a segurança. Por isso, saber usá-los e montá-los antes da viagem é essencial para uma diversão sem contratempos desnecessários.

Treine antes como montar a barraca, utilizar o mapa e entender a bússola e o GPS. Se perder durante uma trilha pode ser desastroso, por isso, é extremamente necessário se preparar previamente.

6. Querer ser um super-herói

No impulso de provar alguma superioridade, alguns aventureiros têm atitudes que trazem riscos a eles mesmos e aos companheiros de viagem.

As proteções adequadas para cada situação, sejam elas através de roupas, calçados ou uso correto de equipamentos, devem ser sempre respeitadas. Afinal, ninguém é indestrutível e, longe de qualquer socorro, decisões imprudentes ou arrogantes podem resultar em consequências muito sérias.

Demonstre espírito de equipe, ande sempre com o grupo. Isso pode fazer toda a diferença para manter a sua própria segurança ou garantir que você estará por perto, se um colega precisar de ajuda!

Agora que você entendeu a importância de não cometer esses seis erros ao fazer trekking, já está preparado para conhecer estas quatro trilhas espetaculares para fazer. Confira!

Rate this post
http://blog.tremeterra.com.br/2017/03/16/6-erros-ao-fazer-trekking/
Deixe seu comentário