Quer praticar trekking? Conheça 5 dicas que vão te ajudar

5 (100%) 1 vote

O termo trekking é de origem sul-africana e significa “seguir um trilho ou um percurso, a pé”. É uma atividade que pode ser realizada pelo puro prazer de caminhar ou como competição.

Apesar de parecer simples, requer alguns cuidados para que a aventura seja prazerosa e segura, já que, normalmente, é realizada em um ambiente outdoor, sem muitos recursos.

Não existem muitas restrições para faixa etária, ou seja, é recomendável para pessoas de todos os níveis de condicionamento, desde que respeitado o grau de dificuldade das trilhas, é claro.

Em suma, praticar trekking dá uma sensação de muita liberdade, sendo uma ótima opção de atividade ao ar livre. Mas, antes de colocar a mochila nas costas, confira as dicas a seguir!

1. Pesquise sobre o local onde praticará o trekking

Por mais empolgante que possa parecer, jamais deve-se entrar em uma trilha desconhecida, principalmente se não estiver muito seguro com a caminhada. Do contrário, além de uma desorientação durante o trajeto, a integridade física dos caminhantes pode ficar comprometida por algum obstáculo não previsto.

Se você não conhece o percurso, mesmo com um mapa do trajeto, é aconselhável contratar um guia local que já tenha experiência com a trilha. Existem cuidados e macetes que só ele conhecerá. Isso aumenta as chances de uma jornada mais segura.

2. Organize bem a mochila

A mochila não é um ornamento, o que quer dizer que não serve de simples enfeite para as costas. Do mesmo modo, não deve servir como baú de acessórios. É importante levar itens adequados à jornada que será enfrentada.

É preciso carregar alimentação o suficiente para a duração da trilha, barraca, isolante térmico, saco de dormir, lanterna de cabeça (de preferência) e um kit de primeiro socorros, por exemplo. Tudo varia de acordo com o tipo e a duração da trilha escolhida.

3. Não subestime o percurso

Ao praticar trekking, o principal propósito deve ser o de ir e voltar em segurança. Por essa razão, é preciso ter consciência e saber desistir, se for preciso. Afinal, a fadiga pode bater ou as condições do tempo mudarem.

Seja qual for o desafio, ninguém deve se arriscar à toa, por causa do ego. Em uma batalha contra a natureza, o ser humano nunca irá vencer, por isso é preciso respeitar as próprias limitações e saber recuar quando for necessário.

Uma boa prática é ir para a trilha sempre acompanhado. Em um eventual problema, desorientação ou acidente, por exemplo, é muito melhor estar com alguém do que se ver completamente só em uma situação de indecisão ou sufoco.

E tão importante quanto não ir sozinho é avisar os parentes ou amigos sobre o local do trekking. Segurança nunca é demais, pois, em caso de um acidente, conhecer qual era o percurso é essencial para viabilizar o resgate a tempo.

4. Não morra pelos pés

É importante que se saiba que o trekking de lazer não é uma corrida. Ou seja, se mais pessoas estiverem participando da expedição, é preciso saber respeitar o ritmo de todos.

Isso evita desgastes desnecessários e até acidentes causados pela pressa ou pela competitividade. Enfim, esse estresse, definitivamente, não é o propósito do trekking.

Ao invés de um calçado simples, o mais apropriado é usar um específico para o trekking, tal como uma bota ou tênis especial. Vale lembrar que um calçado novo jamais deve ser utilizado numa trilha, o ideal é ir com um bem macio ou até mesmo com aquele bem surrado, mas que você sabe que não vai machucar.

5. Conecte-se ao ambiente

Praticar trekking é a oportunidade perfeita para se desligar da rotina diária, do estresse do trabalho e das demais mazelas da vida. Por isso, excesso de conversas e brincadeiras deve ser evitado.

Quando o praticante se mantém atento e conectado ao lugar, o trekking pode reservar sentimentos únicos, uma conexão profunda com a natureza que se sente mesmo tendo passado dias após a aventura.

E então, o que está esperando para colocar a mochila nas costas e praticar trekking com os amigos? Só não esqueça de antes nos seguir no Twitter e Instagram para acompanhar mais dicas como estas!

http://blog.tremeterra.com.br/2017/05/12/quer-praticar-trekking-conheca-5-dicas/
[wpdevart_facebook_comment curent_url="" order_type="social" title_text="Deixe seu comentário" width="100%" title_text_font_famely="Antonio" animation_effect="random" count_of_comments="3" title_text_font_size="22" ]